A ABRATA está em novo endereço

Prezados Amigos!

Temos a satisfação de informar-lhes que a partir do dia 08 de maio de 2017, segunda-feira estamos em nosso novo endereço.

Rua Dr Diogo de Faria 102, Vila Clementino
Tel. (11) 3256-4831 / 11 3256-4698 de 2ª a 6ª feira das, 13h30 às 17h
São Paulo | SP

Os atendimentos oferecidos a população serão mantidos nos mesmos horários e dias da semana.
Aguardamos vocês em nossa nova casa!



Especial - Preston Garrison

Preston J. Garrison participa da Federação Mundial de Saúde Mental (World Federation for Mental Health-WFMH) como Secretário Geral e CEO (Chief Executive Officer) desde outubro de 2002. Trabalhou como executivo em ONGs de Saúde Mental e Serviços Sociais nos EUA por mais de 30 anos.
Entrevista realizada por Adriano Camargo.

O Senhor pode nos contar um pouco da história da World Federation for Mental Health- WFMH (Federação Mundial de Saúde Mental)?

A WFMH foi fundada em 1948 durante uma conferência em Londres. Nasceu de uma crença pós 2ª Guerra Mundial, de que uma sociedade que tivesse boa saúde mental, estaria mais propensa a promover a paz mundial, e também de um crescente interesse pela troca de informação internacional e esforço cooperativo.
Temos mantido uma abordagem multidisciplinar para os associados, englobando as ciências sociais, portadores e ativistas, e profissões médicas.

Qual é a missão da WFMH?
Promover entre todas as pessoas e nações, o mais elevado nível de saúde mental nos mais amplos aspectos biológicos, médicos, educacionais e sociais.

Quais são os objetivos para 2003/2004 e como podem ser atingidos?
Entre nossos objetivos está a conscientização do público sobre a importância da saúde mental, para modificar as atitudes em relação aos transtornos mentais; Promover a saúde mental e otimizar seu funcionamento; Prevenir transtornos mentais, neurológicos e psicológicos; Melhorar os cuidados e o tratamento daqueles que tem transtornos mentais, neurológicos e psicológicos.

Alguns dos esforços que esperamos poder empreender, incluem o fortalecimento do quadro de associados em cada uma de nossas 9 regiões geográficas, tornando ainda mais ativa e efetiva a influência sobre prioridades internacionais de saúde mental através das Nações Unidas e Organização Mundial de Saúde, e comprometer-se com várias iniciativas especiais – como o reconhecimento da depressão forte, programa de conscientização e educação na América do Sul.

A WFMH irá colaborar com o Departamento de Saúde Mental e Dependência de Drogas da Organização Mundial de Saúde em projetos relacionados com a promoção da saúde mental e dos direitos humanos de pessoas portadoras de transtornos mentais. Iremos também continuar a patrocinar e expandir o Dia Mundial da Saúde Mental – projeto educacional global sobre saúde mental. Atualmente se comemora o Dia Mundial da Saúde Mental em mais de 100 países, no dia 10 de outubro, através de centenas de programas e campanhas de conscientização locais, provinciais e nacionais. Estaremos também colaborando com muitas outras organizações para planejar e apresentar a Terceira Conferência Mundial sobre Promoção da Saúde Mental e Prevenção de Transtornos Emocionais e Comportamentais.

Como a WFMH está organizada pelo mundo?
A WFMH é uma organização formada por três tipos de membros: Organizações de membros votantes que devem ser de âmbito nacional ou internacional com o escopo de atividades relacionadas à saúde mental, por exemplo associações nacionais de saúde mental; associações de psicologia ou psiquiatria e de familiares e portadores. Organizações de membros afiliados podem associações de âmbito local ou até clínicas de saúde mental comunitárias, ou ainda, qualquer grupo voltado para as questões de saúde mental de uma comunidade e membros individuais, qualquer pessoa que queira contribuir individualmente.
Atualmente a WFMH possui mais de 1500 associados entre indivíduos, afiliadas, todos com direito a voto. Muitas destas organizações representam várias centenas de constituintes da WFMH. Aproximadamente 3.000 organizações e grupos utilizam o material do programa educacional global do Dia Mundial de Saúde Mental anual da WFMH e ajudam a promover este trabalho em todo o mundo. Um grande objetivo da WFMH nos próximos 2 anos é expandir muito sua base de associados e eleitores e cultivar maior participação de organizações locais e nacionais voltadas para portadores e familiares. Quais são as perspectivas da WFMH para saúde mental em países em desenvolvimento, e quais são as ações para alcançá-las?

A WFMH demonstra um grande interesse em promover a melhora dos serviços e das políticas de saúde mental em países em desenvolvimento. Reconhece que muitas organizações destes países não possuem recursos necessários para se manterem ativamente comprometidos com a WFMH, e portanto tem reduzido o valor cobrado destes associados.

A WFMH trabalha lado a lado com o Comitê de Saúde Mental das Nações Unidas e com a OMS para chamar atenção para as necessidades de saúde mental de cidadãos de nações em desenvolvimento. Por meio do apoio da Eli Lilly Company, a WFMH pôde oferecer bolsas para participação no Congresso Mundial de Saúde Mental, ocorrido em Melbourne, Austrália, fev/2003. Estamos constantemente buscando oportunidades para patrocinar e implementar iniciativas voltadas para as necessidades da saúde mental destes países.

A WFMH concorda plenamente com a declaração da OMS de que as necessidades não atingidas de crianças, adolescentes e adultos que experimentam transtornos mentais, emocionais e comportamentais, estão se tornando rapidamente uma crise mundial de saúde. Apoiamos os esforços da OMS em chamar a atenção de governos e políticos para tais fatos, através do Programa de Ação Global para a Saúde Mental e continuaremos a procurar oportunidades para sermos defensores efetivos de uma melhor política nacional em prol da saúde mental através do mundo.





AJUDE SEUS PACIENTES A PERMANECEREM EMPREGADOS
Charles L. Bowden, MD

DESCOBRI QUE MEU COMPANHEIRO(A) É BIPOLAR... E AGORA?
Dr Teng Chei Tung

TRANSTORNOS DO HUMOR E CRIATIVIDADE

Marcia Britto de Macedo Soares

TRATAMENTOS PSICOSSOCIAIS PARA O TRANSTORNO BIPOLAR
Dra Rosilda Antonio

ALIMENTOS PARA O CÉREBRO: O QUE DEVEMOS COMER PARA MELHORAR OS TRANSTORNOS DO HUMOR
Dr Teng Chi Tung
Médico psiquiatra, membro do Conselho Científico


TRANSTORNO BIPOLAR, DOENÇA MENTAL GRAVE, OCORRE MAIS NO ADULTO JOVEM
Dr Teng Chi Tung
Médico psiquiatra, membro do Conselho Científico


HELP YOUR BIPOLAR DISORDER PATIENTS REMAIN EMPLOYED


TRANSTORNO BIPOLAR DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA

Dra. Sônia Maria M. Palma
Médica Psiquiatra


USO DE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS EM PESSOAS COM TRANSTORNOS DO HUMOR
Luís Pereira Justo
Psiquiatra - Mestre pela EPM/UNIFESP


DEPRESSÃO NA PRÁTICA MÉDICA NÃO PSIQUIÁTRICA
Amanda Galvão de Almeida
Psiquiatra


O IMPACTO DA DEPRESSÃO
Dra. Márcia Britto de Macedo Soares
Psiquiatra


QUALIDADE DE VIDA
Ângela Miranda Scippa. PhD.
Psiquiatra


ATIVIDADE FÍSICA E EXERCÍCIOS NA INTERVENÇÃO TERAPÊUTICA COMPLEMENTAR DA DEPRESSÃO
Rosa Maria Mesquita
Mestre em Educação Física


ENTREVISTA COM DR HOMERO P. VALLADA FILHO
Dr Homero P. Vallada Filho
Psiquiatra


DISTIMIA – UMA FORMA DA DEPRESSÃO
Belquiz Avrichir
Psiquiatra


AUTO-AJUDA PELA CONVIVÊNCIA
Adriano Persone Prestes de Camargo
Psicólogo


O PAPEL DA ELETROCONVULSOTERAPIA - ECT - NO TRATAMENTO DOS TRANSTORNO
Márcia Britto de Macedo Soares
Psiquiatra


DOENÇA DEPRESSIVA E ESTIGMA
Dra. Denise Gama e Dra. Giuliana Cividanes
Psiquiatra


ANOREXIA E BULIMIA
Dr. André Broking Negrão e Christina Marcondes Morgan
Psiquiatra / Psicóloga


ESPECIAL - PRESTON GARRISON
Preston J. Garrison
Secretário Geral


PSICOTERAPIA COGNITIVA NO TRATAMENTO DA DEPRESSÃO E DO TRANSTORNO BIPOLAR
Dr. Francisco Lotufo Neto
Professor


GRUPOS PSICOEDUCACIONAIS PARA FAMILIARES
Juliana Yacubian
Professora Doutora em psiquiatria


A IMPORTÂNCIA DAS ATIVIDADES
Maly Delitti
Psicóloga


MENOPAUSA, DEPRESSÃO, E TERAPIA DE REPOSIÇÃO HORMONAL
Dr. Rodrigo da Silva Dias
Psiquiatra


RISCO DO USO DE PSICOFÁRMICOS EM ACIDENTES DE TRÂNSITO
Doris Hupfeld Moreno
Psiquiatra










quem somos | o que é depressão e transtorno bipolar | artigos | agenda | seja um voluntário | doação | contato

Rua Dr Diogo de Faria 102, Vila Clementino, SP - Tel: (11) 3256-4831 / 11 3256-4698 de 2ª a 6ª feira das, 13h30 às 17h

Copyright © 2012 - Abrata - Todos os Direitos Reservados