Atividades

Atividades 2018-01-30T17:50:36+00:00

Palestras Psicoeducacionais

A ABRATA oferece palestras gratuitas para a população sobre os mais variados temas e assuntos relacionados aos transtornos afetivos ministradas por médicos psiquiatras e por psicólogos, para esclarecer acerca dos sintomas, diagnóstico e tratamentos do transtorno bipolar e depressão, entre outros temas relacionados.

As palestras psicoeducacionais ocorrem mensalmente no último sábado do mês, à tarde, das 14h às 17h, no auditório do Hospital Sepaco, Rua Vergueiro, 4210 – Vila Mariana, entrada franca.

ABRATA Núcleo Santos – As Palestras Psicoeducacionais também acontecem em Santos, uma vez por mês, seguindo a mesma programação da sede em São Paulo. Local: Universidade Santa Cecilia/UNISANTA. As palestras acontecem mensalmente na última terça-feira do mês, das 19h30 às 21h30.

Atendimento Eletrônico

O público interessado também nos contata por meio do Site, Blog, Youtube, LinkedIn e Facebook, enviando as suas perguntas e sugestões. A equipe de voluntários do serviço da Rede Digital responde a cada contato de forma personalizada.

As respostas às mensagens recebidas acontecem de forma personalizada após a cuidadosa leitura e na maioria das vezes também buscamos pesquisar em artigos científicos para ancorar as respostas, além de promover o acolhimento às pessoas que nos procuram.

Atendimento Telefônico

Serviço consultivo oferecido gratuitamente para a comunidade, mantendo sempre a discrição, sigilo e a confidencialidade. O Atendimento Telefônico especializado acontece de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h.

Os voluntários da equipe deste serviço são preparados para acolher e apoiar emocionalmente todas as pessoas que querem e necessitam conversar acerca dos transtornos mentais e sobre prevenção e ideação suicida. Além deste trabalho de acolhimento, esta equipe também informa acerca de todos os serviços que a Associação oferece e realiza as inscrições para as atividades.

Grupo de Jovens

Grupo com formato semelhante ao do Grupo de Apoio Mútuo e é constituído por jovens com transtorno bipolar e depressão e jovens familiares de 14 aos 18 anos.

Este Grupo é conduzido por psicólogos especializados no atendimento a jovens e em psicoterapias indicadas para a pessoa com transtorno afetivo e seus familiares da mesma faixa etária. Este Grupo também conta coma supervisão de um psiquiatra especialista na infância e adolescência.

Acontecem duas vezes por mês, sempre às quintas-feiras, das 19h às 20h30.

Grupo de Apoio Mútuo – GAM

Grupos distintos para pessoas com depressão e bipolaridade, e para familiares, cuja finalidade fundamental é trocar experiências, compartilhar vivências, buscar soluções e se ajudar de forma solidária, por meio de suporte, apoio e conforto uns aos outros.

Os Grupos de Apoio Mútuo são conduzidos por pares (pacientes e familiares), identificados como Facilitadores, onde as pessoas irão encontrar conforto e orientação em um ambiente confidencial e de suporte e onde cada um pode fazer a diferença na vida de outros.

São Paulo: Acontecem todas as terças-feiras, as 16h às 17h30 e 19h às 20h30. Quintas-feiras, das 19h às 20h30. Sábados, das 14h30 às 16h.

ABRATA Núcleo Santos: GAMs Acontecem todas as quintas-feiras, das 19h às 20h30.

Grupo de Acolhimento e Integração – GAI

Reuniões abertas ao público interessado nas atividades psicoeducacionais da ABRATA, que têm como objetivo acolher as pessoas novas, formação de vínculo com os serviços oferecidos, orientá-las quanto à instituição e integrá-las ao ambiente da sede e do serviço de voluntariado. É condição para a participação nos Grupos de Apoio Mútuo e para o exercício do voluntariado.

Acontece quatro vezes por semana no período da tarde e à noite.

A ABRATA atua no conceito do acolhimento e integração que promove e implica na abertura de portas para todas as pessoas que nos procuram e que apresentam a depressão e o transtorno bipolar, assim como aos seus familiares na promoção do acesso as atividades oferecidas pela Associação, além de um dos mais importantes fatores para a estabilidade da pessoa com transtorno mental que é a adesão ao tratamento.

Grupo Interatividade

Grupo com a participação de pessoas com depressão e transtorno bipolar e de familiares, para promover o desenvolvimento de relações mais saudáveis entre eles. Participam pessoas que apresentam situações de vida em comum, relacionadas a doença, cuja finalidade fundamental é trocar experiências, compartilhar vivências, buscar soluções e se ajudar de forma solidária, dando suporte, apoio e conforto uns aos outros, possibilitando o desenvolvimento do sentimento de pertencimento, favorecendo assim a recuperação e a reintegração social.

Este Grupo é dirigido por psicólogos especialistas em transtorno afetivos e é aplicado metodologia psicodramática.

Acontecem duas vezes por mês, sempre na segunda-feira, das 19h às 21h.

Projeto Conversando Sobre

Discussão de temas que não são abordados nas palestras psicoeducacionais, mas fazem parte do cotidiano das famílias e das pessoas com transtornos afetivos. Esta atividade pauta pelo seu caráter informal, como um bate papo entre um especialista no tema proposto e os participantes que manifestam as suas dúvidas.

Acontecem uma vez por mês, na sede da ABRATA/ SP e bimestramentel na ABRATA Núcleo Santos.

Destaques

Livros – Depressão Bipolar um Guia Abrangente

Os autores abordam a neurobiologia e a genética, a depressão bipolar em crianças e considerações relativas a suicídio, discutindo abordagens de tratamento específicas, desde o uso do lítio e de drogas anticonvulsivantes até intervenções psicológicas, com base nas pesquisas mais atuais sobre o assunto.

Campanha Daiichi

Depressão bipolar: está na hora de falar sobre isso” é a mais nova campanha da Daiichi Sankyo, que tem o apoio da ABRATA - Associação Brasileira de Familiares, Amigos e Portadores de Transtornos Afetivos. O objetivo é conscientizar a população em geral sobre a importância da depressão bipolar, doença que atinge mais de seis milhões de brasileiros e depende de melhor diagnóstico e tratamento adequado.

Seja um Voluntário ABRATA

A ABRATA seleciona candidatos para o trabalho voluntário que estão disponíveis para doar seu talento, tempo e trabalho para a prestação do serviço voluntário ao próximo. Não há necessidade de experiência em lidar com os familiares e as pessoas com transtorno bipolar e depressão, basta apenas ter a vontade e o desejo de ajudar.